Introdução

Os métodos de imagem são exames de imagem complementares do diagnóstico clínico e anatomo-patológico. Têm acompanhado o desenvolvimento da tecnologia, da Medicina e por conseguinte das especialidades médicas, nas quais se contextualiza a Estomatologia, a Medicina Dentária, a Otorrinolaringologia e a Dermatologia.
A Endoscopia de contacto é um exame complementar de diagnóstico inovador na cavidade oral, utilizado durante a consulta médica e no bloco operatório. Permite visualizar, de forma indolor, em tempo real, e sem necessitar de anestesia, in vivo e in situ, as células, os vasos e as glândulas do epitélio oral humano.
Tem assim potencial de guiar biópsias incisionais, objectivar as margens microscópicas das biópsias excisionais, identificar benignidade vs displasia vs malignidade, fazer o seguimento pós-operatório de tumores malignos ou potencialmente malignos e ainda, fazer o seguimento de doenças orais auto-inflamatórias como por exemplo o líquen plano oral ou o lúpus eritematoso discóide.
O objectivo deste curso é proporcionar aos formandos os conceitos teóricos em endoscopia de contacto, ensinar a realizar a técnica com a devida interpretação do exame em doentes pré-seleccionados.

Data de realização do curso

Março de 2020

Áreas de conhecimento

  • Medicina Dentária

Estrutura curricular

U. C. 1 - Endoscopia de Contato
- Aprendizagem dos conceitos teóricos em Endoscopia de Contacto da mucosa oral: do normal ao maligno;
- Revisão sobre o epitélio oral humano: o normal e o patológico. O benigno, o potencialmente maligno e o maligno;
- Aquisição de competências práticas da técnica e instrumental da Endoscopia de Contacto

HANDS-ON:

- Realização da técnica de Endoscopia de Contacto em mucosa oral sem patologia e em doentes com lesões da mucosa oral;
- Interpretação dos resultados;
- Elaboração de relatórios interpretativos.

 

Documentação necessária de candidatura

Curriculum Vitae em modelo Europass;
Fotocópia do Certificado de Habilitações;
Preenchimento do boletim de candidatura online: https://inscricoes.cespu.pt/index.php/141458?lang=pt;
Fotocópia do Bilhete de Identidade, Cartão de Contribuinte ou do Cartão de Cidadão (opcional);
Cheque ou comprovativo de transferência para o IBAN PT50 0033.0000.00048634338.29, no valor da candidatura (50 Euros).

Informação e contactos

CESPU-Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Gandra - Paredes
Campus Universitário de Gandra - Paredes
R. Central de Gandra, 1317
4585-116 GANDRA PRD - PORTUGAL

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

Os objectivos gerais deste curso são proporcionar aos formandos os conceitos teóricos em endoscopia de contacto e ensinar a realizar a técnica com a devida interpretação do exame em doentes pré-seleccionados.

Os objectivos específicos são:
1. Aprendizagem dos conceitos teóricos em Endoscopia de Contacto da mucosa oral: do normal ao maligno.
2. Revisão sobre o epitélio oral humano: o normal e o patológico. O benigno, o potencialmente maligno e o maligno.
3. Aquisição de competências práticas da técnica e instrumental da Endoscopia de Contacto

HANDS-ON:
1. Realização da técnica de Endoscopia de Contacto em mucosa oral sem patologia e em doentes com lesões da mucosa oral.
2. Interpretação dos resultados.
3. Elaboração de relatórios interpretativos.

Metodologia

O curso terá componente teórica e prática com hands-on.

Destinatários

Profissionais de Saúde com interesse na área da Medicina Oral, Cirurgia Oral e Patologia de Cabeça e Pescoço.

Candidatura e selecção

Candidaturas até 28 de fevereiro de 2020.
Ordem de inscrição

Nº de vagas para o curso

15

Carga horária

20 Horas

Unidades de crédito do curso

3

Critérios de aprovação

Necessário 80% de assiduidade para obtenção de diploma.

Cronograma

Cronograma Provisório

27 e 28 de março de 2020.

Corpo docente

Luis Monteiro, Prof. Doutor
  • Licenciado em Medicina Dentária pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde-Norte (ISCS-N).
  • Mestre em Oncologia pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (ICBAS).
  • Doutorado em Patologia pela Universidade de Santiago de Compostela, Espanha.
  • Master Europeu em Aplicações de Laser em Odontoestomatologia (EMDOLA) pela Universidade de Parma, Itália.
  • Professor Auxiliar Convidado do ISCS-N.
  • Membro de Coordenação do Mestrado em Cirurgia Oral do ISCS-N.

Saman Warnakulasuriya, Prof. Doutor

Professor de Medicina Oral e Patologia Oral Experimental no King’s College London. Director da Unidade de Medicina Oral do King’s College London. Director do Centro de Colaboração da Organização Mundial de Saúde (OMS) para o Cancro Oral e Pré-Cancro no Reino Unido. Publicou mais 150 artigos peer reviewed e apresentou inúmeras palestras na área de cancro oral e lesões potencialmente malignas. A sua área de investigação científica dirige-se principalmente ao estudo da deteção precoce de cancro oral assim como ao aumento da consciência e conhecimento pelas populações e profissionais sobre esta doença. Conduziu vários estudos inovadores em rastreios de cancro oral em colaboração com a OMS e é um dos membros do painel de especialistas da IARC para avaliação de substâncias carcinogénicas capazes de causar cancro da cabeça e pescoço.

Marta Galrito, Drª.