Introdução

Atualmente, a formação contínua traduz-se num grande desafio para os profissionais de saúde, em especial, para os enfermeiros. As mudanças que, recentemente, se têm operado, em termos de aumento de complexidade dos problemas de saúde dos cidadãos, a sofisticação das tecnologias, quer de diagnóstico quer de tratamento, impõem aos enfermeiros que exercem a sua atividade profissional em unidades de urgência a necessidade de uma constante actualização dos conhecimentos e práticas dirigidas, fundamentalmente, ao doente crítico.

A Pós-Graduação em Abordagem ao Doente Critico está estruturada para promover o desenvolvimento de competências cognitivas, psicomotoras e ético-relacionais a quando da sua intervenção à pessoa/família em situações de urgência.

Data de realização do curso

outubro de 2020

Local(is) de realização

Coimbra

Áreas de conhecimento

  • Enfermagem

Estrutura curricular

U.C. 1 – DOENTE CRÍTICO NO EXTRA-HOSPITALAR

1. Sistemas de Emergência Médica

2. Doente do foro médico no extra-hospitalar

3. Doente do foro cirúrgico no extra-hospitalar

4. Situações de exceção

 

Curso “Transporte do Doente Critico”

Curso “International Trauma Life Support – ITLS”

 

U.C. 2 – DOENTE CRÍTICO NO SERVIÇO DE URGÊNCIA

1. Doente Critico Neonatal e Pediátrico

2. Doente com Alterações de Comportamento

6. Doente Neurocritico

"1. Organização do Serviço de Urgência

2. Triagem de prioridades

3. Sala de Emergência

4. Receção do doente critico"

1. Doente Intoxicado

 

Curso “Suporte Avançado de Vida (ACLS)"

Curso “Via Aérea Essentials”

Curso “Eletrocardiografia e Farmacologia na Emergência”

 

U.C. 3 – DOENTE CRÍTICO NO BLOCO OPERATÓRIO

1. Receção do doente critico no Bloco Operatório (BO)

2. Sistemas e equipamentos anestésicos

3. Técnicas anestésicas

4. Monitorização invasiva e não invasiva

5. Incidentes críticos em anestesiologia

6. Complicações intra e pós-operatória

7. Analgesia e controlo da dor

U.C. 4 – DOENTE CRÍTICO NOS CUIDADOS INTENSIVOS

1. Receção do doente critico nos CI

2. Monitorização                                              

 3. Sépsis e TSRC

4. ARDS e patologia respiratória

 

Curso “Ventilação Invasiva”

Curso “Ventilação Não Invasiva”

 

U.C. 5 – DOENTE CRÍTICO EM SITUAÇÕES ESPECIAIS

1. Enfermagem Forense

2. Doenças Tropicais

3. Doente Cirúrgico não Traumático

4. Conservação de dador para transplantação

5. Medidas de proteção e Isolamento

 

Curso “Suturas”

Curso “Urgências Obstétricas”

 

U. C. 6 – PRÁTICA BASEADA NA EVIDÊNCIA

1 - Importância da investigação nas ciências da saúde

2 - Seleção da temática a investigar

3 - Etapas de um projeto de investigação

4 - Leitura crítica do conhecimento científico

  • Realização de trabalho de campo: 
    • Realização de Trabalho Projeto
    • Realização de artigo de Investigação

Acreditação(ões)

Este curso de Pós Graduação em Abordagem ao Doente Crítico está acreditada pela Ordem dos Enfermeiros.para efeitos de Qualificação Profissional, com a atribuição de 3,5 Créditos de Desenvolvimento Profissional(CDP).

Documentação necessária de candidatura

Preenchimento do boletim de candidatura online: https://inscricoes.cespu.pt/posgraduacoes
Curriculum Vitae;
Fotocópia do Certificado de Habilitações ou cédula profissional; 
Fotocópia do Bilhete de Identidade, Cartão de Contribuinte ou do Cartão de Cidadão (opcional); 
O valor de candidatura (50€) será devolvido no caso de adiamento ou cancelamento da formação.

Observações

NOTA: Os conteúdos relativos a esta Pós-Graduação podem estar suscetíveis a alterações pontuais.

Informação e contactos

CESPU - Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Coimbra
Centro de Formação Bissaya Barreto
Campus do Conhecimento e da Cidadania - Quinta dos Plátanos
Apartado 7049, Bencanta | 3046-901 COIMBRA
Telefone: 239 800 400
email: formacao@fbb.pt

Entidades parceiras

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

- Atualizar conhecimentos científicos, teóricos e práticos que fundamentam as práticas clínicas de enfermagem em situações de ameaça á vida;

- Promover reflexão crítica dos cuidados de enfermagem nas situações de urgência e emergência

- Adquirir habilidades/competências para intervir em situações de urgência e emergência

- Desenvolver capacidade de tomada rápida de decisão com o intuito de manter a vida;

- Desenvolver competências que promovam atitudes de investigação e de reflexão das práticas clínicas.

Metodologia

A metodologia de ensino baseia-se essencialmente num conjunto de aulas teóricas e teórico-práticas em sala de aula.

Face à pandemia do COVID-19, algumas sessões poderão decorrer em videoconferência.

Destinatários

Licenciados em Enfermagem.

Candidatura e selecção

Candidaturas Encerradas.

A seleção é realizada por ordem de inscrição.

Nº de vagas para o curso

24

Carga horária

324 horas de contacto

Unidades de crédito do curso

35

Critérios de aprovação

Aprovação nas avaliações escritas e no trabalho desenvolvido na Unidade Curricular Oficinas de Investigação.

O número de faltas não poderá exceder 20% da carga horária.

Duração e regime

O Curso decorrerá de outubro de 2020 a janeiro de 2022. As aulas decorrerão à sexta feira, das 17:00 às 21:00 e aos sábados, das 09h30 às 13h30 e das 14h30 às 18h30, quinzenalmente. As aulas poderão decorrer em outros dias, para além de sexta-feira e sábado.

Cronograma

outubro de 2020 a janeiro de 2022

31 de outubro de 2020

4 e 5 de dezembro de 2020

8, 9, 29 e 30 de janeiro de 2021

12, 13, 26 e 27 de fevereiro de 2021

12, 13, 26 e 27 de março de 2021

9, 10, 11, 23 e 24 de abril de 2021

7, 8, 9, 28 e 29 de maio de 2021

11, 12, 25 e 26 de junho de 2021

9, 10, 16, 17 e 18 de julho de 2021

10, 11, 24 e 25 de setembro de 2021

8, 9, 22 e 23 de outubro de 2021

5, 6, 19 e 20 de novembro de 2021

3 e 4 de dezembro de 2021

7, 8, 29 e 30 de janeiro de 2022

Cronograma provisório. Poderá estar sujeito a alterações pontuais.

Corpo docente

Ana Dagge, Drª.

Médica, especialidade de Anestesiologia e sub-especialidade de Medicina Intensiva, participa em várias formações na área do doente crítico, nomeadamente sedação e analgesia

Maria Celeste Dias Ferreira, Prof.ª Doutora

Doutorada em Neurociências. Licenciada em Medicina. Especialidade de Anestesiologia. Subespecialidade em Cuidados Intensivos. Serviço de Cuidados Intensivos UCI Neurocríticos.

Isabel Araújo, Profª. Doutora

Docente do IPSN-ESSVA. Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-cirúrgica. Mestre em Educação Especialidade Educação para a saúde. Doutora em Ciências de Enfermagem - Universidade do Porto. Tese de Doutoramento” CUIDAR DA FAMÍLIA COM UM IDOSO DEPENDENTE: FORMAÇÃO EM ENFERMAGEM. Diretora Departamento das Ciências da Saúde da ESSVA. Coordenadora Curso de Licenciatura em Enfermagem.

Estêvão Lafuente, Dr.

Médico intensivista sénior. Diretor Regional do Difficult Airway Course-First Airway LCC ; Coordenador do CIT - AHA; Professor Associado Convidado do Mestrado Integrado Medicina - CESPU

Albino Gomes, Mestre

Doutorando em Ciências Forenses, pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto - Mestrado em Medicina Legal e Ciências Forenses, pela Faculdade de Medicina de Lisboa - Pós-Graduação em Ciências Criminais, pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde Sul, Monte da Caparica - Pós-Graduação em Medicina de Catástrofe, pela Société Française de Médecine de Catastrophe, Paris - Master in Forensic Nursing, pelo American Institute of Forensic Education - Programa Avançado de Gestão de Saúde (Healthcare Management Program ), pela Universidade Católica Portuguesa, Lisboa. - Investigador associado do FCT, na área das ciências forenses - Forensic Nurse Examiner - Perito e consultor de enfermagem forense na área dos crimes sexuais, violência doméstica e preservação de vestígios na urgência e pré-hospitalar, no IAFN.

Rui Campos, Mestre

Licenciado em Enfermagem, Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica e  Mestre em Medicina de Catástrofe. Enfermeiro Diretor do INEM.

Raul Marques , Enf.

Licenciado em Enfermagem. Pós Graduado em Gestão de Unidades de Saúde. Enfermeiro coordenador da VMER do CHAA. Enfermeiro Diretor no Hospital Narciso Ferreira.

João Reis, Dr.
Licenciado em Medicina. Especialidade de Cirurgia Geral do Serviço de Cirurgia do Centro Hospitalar do Alto Ave (CHAA).
Filipe Fernandes, Enf.

Licenciado em Enfermagem e Doutorando pela Universidade Católica Portuguesa na área do Doente Critico. Especialista de Carreira Docente, na área das Ciências de Enfermagem e coordenador pedagógico da formação pós-graduada na área de doente crítico na CESPU Formação.

Formador da American Heart Association, para Suporte Básico de Vida,  Suporte Avançado de Vida e Emergências Cardiovasculares, formador de  Gestão de Crises e Catástrofes pelo SAMU Sevilha e Airway Management Education Center.

Pedro Fernandes, Enf.
Enfermeiro da Urgência do Hospital Senhora da Oliveira - Guimarães; Instrutor de SBV;
Luís Fonseca, Dr.
  • Técnico Laboratorial de Prótese Dentária- Faculdade de Medicina Dentária -Universidade de Lisboa
  • Cédula profissional Num. C-014143135
  • AAS, Dental Laboratory Tecnology - Southern Illinois University USA (1988-1990) University Highest Honors
  • Aluno do Mestrado - Master of Science in Education -Southern Illinois University USA
  • Curriculum Development- Health OCC (460 E )
  • Teaching Methods , MTL - HLTH (462 E)
  • Principles, Philosophy-Vocational Education (466)
  • Assessment Vocational Student Progress (463)
  • Production of Education Media (453)
  • Tutor na disciplina de Crown and Bridge Dental Laboratory Technology- SIU (1990)
  • (RG) Recognized Graduate - National Association of Dental Laboratories-NADL ( USA )
  • National CTC Deans List 1990
  • Docente do Curso de Técnicos Laboratoriais de Prótese Dentária , Faculdade de Medicina Dentária de Lisboa - disciplina de Prótese Fixa Cerâmica - Lisboa ( 1988-1998 )
  • Docente do curso pos laboral para técnicos de prótese dentária
  • Membro da direção da Sociedade Portuguesa de Medicina Dentária Digital D2 ( tesoureiro )
  • Membro dos órgãos sociais da Sociedade Portuguesa de Estética e Reabilitação Oral - Vogal do Concelho Fiscal
  • International Opinion Leader , lecturer-Ivoclar ( desde 2013)
  • Responsável pelo laboratório de prótese dentária da clínica do prof doutor Armando Simões dos Santos ( 1991-2007)
  • Fundador e diretor técnico do laboratório Labimplante (1998).
  • Consultor técnico do laboratório Labimplante (2002-2007)
  • Fundador e diretor técnico do laboratório WIZZ
  • Diretor do projeto LuisFonseca Dental Artistry
Carlos Esteves, Enf.

Licenciado em Enfermagem de Reabilitação. Pós-Graduado em Gestão de Serviços de Saúde. Mestrando em Gestão de Unidades de Saúde. Diretor Serviço Esterilização (2008-2010), certificado pela ISO 9001, Gestor da Qualidade (>2010) e Gestor de Risco (>2019), Coordenador da VMER (2009-2019) e Coordenador da Emergência Intra-Hospitalar (>2016) do Centro Hospitalar do Médio Ave, E.P.E.. Auditor do CHKS para Programas de Acreditação em Saúde (>2002). Curso de Auditoria pela ISO 19011 para ISO 9001; Perito Técnico pela LusoAenor. Membro do Accreditation Awards Panel do CHKS (>2019) e do Accreditation Council (>2019). Gestor de Cliente do Programa Nacional de Acreditação de Hospitais (Instituto da Qualidade na Saúde: 2002-2007). Membro da equipa de melhoria contínua da ARS-N para os Cuidados Continuados (2009-2010). Membro da Direção (e sócio fundador da Sociedade Portuguesa para a Qualidade na Saúde (2010-2019). Membro da CT 180 (APQ/IPQ): Gestão do Risco (2011-2019).

Carlos Correia, Dr.

Licenciado em Medicina Especialidade de Anestesiologia. Director do Serviço de Anestesiologia do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro.

Jose Antonio Pinho, Prof. Doutor

Doutorado pela USC. Mestrado em Saúde Pública, Gestão de unidades de saúde. Pós-Graduação em gestão hospitalar. Licenciado em Enfermagem pela Escola de Enfermagem Dª Ana Guedes Porto. Enfermeiro chefe no serviço de cuidados intensivos do Centro Hospitalar do Porto. Docente da CESPU.

Filomena Correia, Dra.

Licenciada, pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, especialista em Saúde Pública e Mestre em Medicina de Catástrofe.
Instrutora dos cursos de Emergência Trauma e Catástrofe (CETC), Suporte Básico de Vida e Desfibrilhação Automática Externa (SBV DAE), Trauma e Emergência Pediátrico (PEPP), Trauma e Emergência Geriátrico (GEMS) e International Trauma Life Support (ITLS) Provider, ACCESS. Pediátrico e Militar.

Fernando Gonçalves Fernandes, Enf.

Curso Pós-licenciatura em Enfermagem Médico-Cirúrgica. Licenciatura em Enfermagem. Enfermeiro no Serviço de Urgência Geral e VMER do Hospital de Braga; Instrutor Internacional dos cursos: First Aid, CPR e AED, First Responder, GEMS, PEPP, AMLS, ITLS, Gestão de Crise e Incident Comand System (ICS); Instrutor Nacional dos cursos: SBV e DAE, AAPCR e CETC.