Introdução

O exercício da profissão na área da saúde, obriga-nos a desempenhar as nossas funções, tendo em conta a informação clínica, intervindo muitas vezes na conceção, programação, planeamento, realização e avaliação de exames na área da radiologia, com vista ao tratamento do doente.

A coordenação do curso de radiologia do ESSVA decidiu implementar, um conjunto de iniciativas que proporcionarão aos profissionais de saúde, uma formação complementar em áreas de interesse e especificidade avançada. A elaboração deste currículo pretende cimentar e fomentar o aumento de competências em Ultrassonografia, que proporcionem um desempenho profissional autónomo, eficaz, eficiente e responsável nesta área de diagnóstico. Auscultando o mercado de trabalho, nacional e internacional, nomeadamente nos países do norte da Europa e Espanha facilmente se depreende que existe uma concreta necessidade de formação no que à Ultrassonografia diz respeito, tendo em conta a possibilidade de emprego ao nível Europeu.

A formação inicial (atual e especialmente anterior à reestruturação dos cursos tendo em conta o Tratado de Bolonha) de muitos profissionais de saúde, apesar de essencial, não os capacita totalmente para o desempenho autónomo, responsável e competente na área da Ultrassonografia. É nesta constatação que assenta a necessidade de uma formação mais específica nesta área do saber. A necessidade de aprofundamento, evolução e melhoria das competências e conhecimentos científicos nestas áreas, a formação ao longo da vida, pós graduada, sustentada e defendida pelo Tratado de Bolonha, entidades nacionais e internacionais que representam as nossas profissões sustentam e justificam estas formações.

Data de realização do curso

Setembro de 2018

Áreas de conhecimento

  • Radiologia

Estrutura curricular

A abordagem ultrassonográfica e patologia do sistema músculo-esquelético; Exames ultrassonográficos músculo-esqueléticos, com ênfase na demonstração da anatomia normal e nas patologias mais frequentes em cada estrutura.

Identificar a anatomia ultrassonográfica normal, localização de tendões, ligamentos, músculos, nervos, bursas das articulações do ombro e joelho.

Sistemática de exploração ecográfica do Ombro, Cotovelo e Punho Normal.

Avaliação ecográfica do Ombro, Cotovelo e Punho Patológico: - Patologias de Diagnóstico Ecográfico.

Patologia Ultrassonográfica osteoarticular do ombro como tendinopatia do Tendão Supraespinhososo, rotura parcial do tendão supraespinhoso, rotura completa do tendão supraespinhoso, tendinopatia do tendão subescapular, rotura do tendão subescapular, osteofitose e erosões ósseas do periósteo da cabeça do úmero, impingement subacromial, rotura do tendão da longa porção do bíceps, bursite e sinovite, Avaliação da coifa dos rotadores e bíceps, patologia de tendão, incluindo tendinopatia, rutura parcial e em lágrimas de espessura total e síndromes do impacto; Derrame articular, sinovial espessamento e erosões; Lesões de Hill-Sachs e Bankart; Lesões do Labrum; Identificação de massas de tecidos moles, para a avaliação de sólido / quística e respetiva micro-vascularização; Articulação acromioclavicular e respetiva degeneração, a artropatia inflamatória, trauma e complicações, protocolo completo de exploração ecográfica da articulação do ombro. Manuseamento do ecógrafo, Práticas de eco do Ombro, Cotovelo e Punho (Com Modelos). Protocolo completo de exploração do cotovelo. Patologia frequente no cotovelo: Epicondilite do cotovelo, epitrocleíte, entesiopatia, osteofitose e calcificações tendinosas/ruturas parciais. Lesões dos tecidos moles, massa de tecidos moles, bursite, o nervo ulnar, anomalias como o impingement/aprisionamento também são passíveis de avaliação; O âmbito da avaliação ultrassonográfica cotovelo inclui também anomalias articulares, incluindo derrames articulares, avaliação de complicações da artrite, presença de corpos livres intra-articulares e sinovite; Avaliação de nervos e estruturas regionais;

Protocolo completo de exploração do punho e mão: Estudo da mão e do punho na avaliação de tendões para tendinites, sinovite e rutura, subluxação e deslocamento, bem como para tenossinovite, incluindo de Quervain e avaliação do nervo mediano, nomeadamente na síndrome do túnel cárpico. Patologia do tendão de Aquiles;

Avaliação ecográfica do Joelho, Quadril e Coxa.

Patologia do joelho como rotura do Ligamento lateral interno e externo, tendinopatia do tendão quadríceps e do tendão rotuliano, doença de Osgood-Schlatter, quisto meniscal, quisto de baker, derrame articular, Patologia dos ligamentos colaterais, pata de ganso, bursite, tendinopatia do Tendão semi-tendinoso e semi menbranoso. Protocolo de exploração completo da articulação do joelho.

Web: Formação -CD-Vídeos-Manuais-Galerias.

Casos Clínicos-Campus Online.

Avaliação ecográfica da Perna, Tornozelo e Pé Normal.

Avaliação ecográfica da Perna, Tornozelo e Pé Patológico.

Protocolo de exploração da articulação do tornozelo; Patologias do tornozelo e pé; Tenossinovites e patologia reumatóide do tornozelo e pé rotura do tendão de Aquiles.

Protocolo de exploração da articulação da perna.

Protocolo de exploração da articulação do pé.

Patologia Ultrassonográfica osteoarticular do pé, perna e tornozelo mais frequente como entorse ligamentar, patologia dos tendões peroniais superficiais e profundos, tendão tibial anterior e posterior e estruturas ligamentares. Patologia básica da fáscia plantar e osteofitose; Lesões dos tecidos moles onde se incluem massas, lesões quísticas, como gânglios, quistos sinoviais, hematomas, abscesso de tecidos moles, tumores de células gigantes, e hemangiomas, neuroma de Morton, sarcomas.

Patologias de diagnóstico Ecográfico

Maratona de Casos Clínicos.

Práticas de Quadril, Coxa, Joelho, Perna, Tornozelo e Pé (Com Modelos)

Documentação necessária de candidatura

Curriculum Vitae em modelo Europass (Consulte os documentos de suporte);
Fotocópia do Certificado de Habilitações;
Preenchimento do boletim de candidatura (Consulte os documentos de suporte);
Fotocópia do Bilhete de Identidade, Cartão de Contribuinte ou do Cartão de Cidadão;
Cheque ou comprovativo de transferência para o IBAN PT50 0033.0000.00048634338.29, no valor da candidatura.


Informação e contactos

CESPU - Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Campus Académico de Vila Nova de Famalicão
Campus Académico de Vila Nova de Famalicão
R. José António Vidal,81
4760-409 Vila Nova de Famalicão - PORTUGAL

Entidades parceiras

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

Proporcionar aos alunos a aquisição de um conjunto de conhecimentos teórico e práticos, avançados, na área Ultrassonografia Músculo-esquelética; Fornecer competências avançadas aos alunos para que sejam capazes de executar e avaliar exames da área da Ultrassonografia Músculo-esquelética quer do membro inferior, as articulações de maior patologia (ombro, joelho, tornozelo) e as de menor (punho, mão, pé tornozelo, anca, virilha, etc.). Pretende-se que os alunos aumentem e alarguem o conhecimento relativo a esta área de diagnóstico, reconhecendo de forma sistematizada a anatomia ecográfica de músculos, tendões, ligamentos e nervos; Reconhecer também os espaços anatómicos teóricos de localização de bursas e bainhas sinoviais.

Preparar os alunos para a conceção, planeamento, organização, execução e avaliação de exames da área da Ultrassonografia Músculo-esquelética;

Evidenciar conhecimentos de anatomia normal, Identificar os processos patológicos e os parâmetros fisiológicos, as manifestações desses, tendo em conta a avaliação por Ultrassonografia Músculo-esquelética;

Proporcionar aos alunos aptidões para a aplicação e análise dos resultados dos protocolos utilizados em Ultrassonografia Músculo-esquelética nas diferentes articulações, bem como capacidades para fazer a respetiva correlação clínica.

Proporcionar aos alunos aptidão para a aplicação de diferentes métodos e técnicas, no âmbito da Ultrassonografia Músculo-esquelética, com vista à obtenção de diagnóstico por imagem; Proporcionar aos alunos aptidões para a conceção, planeamento, organização e concretização de um plano de intervenção adequado às necessidades individuais de cada doente, tendo em conta a informação clínica, o estado do paciente e o objetivo final da realização do exame, bem como aptidão para análise da implementação desse plano e introdução de alterações sempre que necessário; Dotar os alunos de uma experiência intelectualmente estimulante que lhes permita desenvolver competências, capacidades e atitudes a exercer em diferentes contextos profissionais; Desenvolver competências de trabalho sistemático e rigoroso, com sentido crítico; Pretende-se capacitar e fornecer ferramentas necessárias aos alunos, tendo em conta a tomada de decisões na compra e melhoria dos equipamentos de Ultrassonografia; Investir na formação ao longo da vida, obtendo formação e aptidões que demonstrem ser essenciais à sua atividade profissional; Comportar-se de acordo com códigos de conduta profissional.

Metodologia

As estratégias de avaliação deverão ser diversificadas, adaptando-se às características específicas de cada unidade/módulo curricular e tendo como principal objetivo proporcionar ao estudante oportunidades de aprendizagem nas quais ele seja o sujeito efetivo dessa aprendizagem.

Destinatários

Profissionais de Saúde.

Candidatura e selecção

Inscrições até 7 de setembro de 2018.

Ordem de inscrição.

Nº de vagas para o curso

25

Carga horária

11 Horas de contacto

32 Horas e-learning

Unidades de crédito do curso

4

Critérios de aprovação

A avaliação terá duas componentes, uma prática (80%) e uma teórica online no campus de ultrassonografia (20%). O diploma de formação avançada em Ultrassonografia Músculo-esquelética (Aperfeiçoamento) só será emitido aos alunos que obtiverem aprovação ao Módulo curricular.

Presença obrigatória em 80% das aulas previstas. Em situações omissas, aplica-se o estipulado em Regulamento Pedagógico do IPSN-ESSVA sobre este assunto.

Cronograma

29 de setembro de 2018

8h30 às 12h30 e das 13h30 às 20h30

Corpo docente

Angel Rodriguez Lourenzo, Dr.
Licenciado em Medicina e Cirurgia pela Universidade de Santiago de Compostela. 1985. Especialista em Metodologia de Investigação pela Universidade de Vigo. 1996. Especialista em Medicina de Emergência pela Universidade de Vigo. 1996. Certificado of Advanced CPR. SMIUC. 1996. Certificado de ultra-som abdominal. SEECO. 1997. Certificado de Medicina de Emergência. Semes. 1998.
Manuel Duarte Lobo, Mestre

Docente de Ensino Superior tendo leccionado na Escola Superior de Saúde Cruz Vermelha Portuguesa - Lisboa.

Participante do Skills Course in Musculoskeletal Ultrasound do Royal College of Radiologists – Oxford.

Curso de Aperfeiçoamento em Ecografia Músculo-esquelética em Atenção Primária e Urgências e Curso de iniciação em Ecografia Abdominal FAST e Pleuro Pulmonar.

Membro e formador do Grupo de Trabajo en Ultrassonografia desde 2011; Semergen, diretor Norte Portugal.

Marcus Vinicius Cocentino Fernandes, Dr.

Medico prestador de serviços em diversas instituições privadas na área do Radiodiagnóstico, nomeadamente: CMP-Centro Médico da Praça, Clínica do  Marco - Arrifana de Sousa, HSCM- Arouca e HSCM-Resende.

Ex-docente  colaborador da UFF- NITEROI -RJ e do IPGM Carlos Chagas - RJ de Radiodiagnóstico. full-member da ESR e da SPRMN desde 2006.

Nabor Diaz Rodriguez, Dr.
Licenciado em medicina na Universidade Santiago de Compostela. Médico assistente de seção de ecografia musculo-esquelética do departamento de radiologia do hospital Henry Ford, Detroit EUA 1994-1995. Membro do comité organizador do I ao VII curso internacional de ecografia musculo-esquelética de 1995-2000. Coordenador nacional do grupo de trabalho em ecografia Semergen.