Introdução

Fibrina rica em plaquetas e leucócitos. É sangue centrifugado sem qualquer aditivo que, funciona como um biomaterial de cicatrização autólogo, incorpora leucócitos, plaquetas e proteínas dentro de uma matriz densa de fibrina. Este procedimento resulta na produção de uma membrana. A sua aplicação clínica em Medicina Dentária é ampla como material de preenchimento, estabiliza os materiais de enxerto, ou como membrana de protecção,  protegendo o local cirúrgico das agressões externas bem como acelera a cicatrização e fecho das margens das feridas cirúrgicas. Este curso irá proporcionar aos formandos uma sessão de laboratório “hands-on” e uma demonstração cirúrgica ao vivo de aplicação clínica  da fibrina autóloga.

Data de realização do curso

Abril de 2017

Áreas de conhecimento

  • Medicina Dentária

Estrutura curricular

1 – Estruturas anatómicas do braço, sistema venoso e arterial

2 – Dificuldades de localização das veias

3 – Passos procedimento para punção venosa:
     Desinfeção
     Punção
     Dispositivos
     Tubos
     Centrifugação / Tempo
     Tempo máximo colheita / centrifuga
     Quantidade tubos por procedimento
     Membranas  autólogas e suas aplicações clínicas:
           - alvéolos pós – extracionais
           - enxertos de seio maxilar
           - regenerações ósseas guiadas

4 - Manipulação de fibrinas autólogas

Documentação necessária de candidatura

Curriculum Vitae em modelo Europass (Consulte os documentos de suporte);
Fotocópia do Certificado de Habilitações;
Preenchimento do boletim de candidatura (Consulte os documentos de suporte) ou Preenchimento do boletim de candidatura online: https://inscricoes.cespu.pt/index.php/141458?lang=pt;
Fotocópia do Bilhete de Identidade, Cartão de Contribuinte ou do Cartão de Cidadão (opcional);
Cheque ou comprovativo de transferência para o IBAN PT50 0033.0000.00048634338.29, no valor da candidatura (50 Euros).

Informação e contactos

CESPU-Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Campus Académico de Vila Nova de Famalicão
Campus Académico de Vila Nova de Famalicão
R. José António Vidal,81
4760-409 Vila Nova de Famalicão - PORTUGAL

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

• Compreender os princípios biológicos sobre a fibrina autóloga
• Seleccionar os casos adequados e seu planeamento para a sua aplicação clínica
• Compreender as técnicas cirúrgicas, as técnicas de preparação fibrina autóloga
• Gerir complicações e cuidados pós-operatórios

Metodologia

As estratégias de avaliação deverão ser diversificadas, adaptando-se às características específicas de cada unidade curricular e tendo como principal objectivo proporcionar ao estudante oportunidades de aprendizagem nas quais ele seja o sujeito efectivo dessa aprendizagem.

Destinatários

Médicos dentistas.

Candidatura e selecção

Candidaturas até 04-04-2017
Ordem de inscrição

Nº de vagas para o curso

4

Carga horária

40 Horas

Unidades de crédito do curso

5

Cronograma

7 e 8 de Abril de 2017
12 e 13 de Maio de 2017

Corpo docente

Marco Infante da Câmara, Prof. Doutor

Licenciatura em Medicina Dentária no Instituto Superior de Ciências da Saúde – Norte. Implant Fellowship in Implant Dentistry New York University College of Dentistry NYUCD (USA). Pós graduação em Implantologia Oral e Cirurgia Reconstrutiva pela Fundacion Pierre Fauchard otorgado pela American Academy of Implant Dentistry (Spain). Certificado Universitário de Cirurgia Oral pela Université Paul Sabatier – Toulouse (France). Diploma Universitário de Cirurgia Maxilofacial pela Université Henri Poincaré – Nancy (France). Mestrado em Cirurgia Oral no Instituto Superior de Ciências da Saúde – Norte. Doutoramento na Universidade de Santiago de Compostela. Credenciamento em Implantes Zigomáticos pelo I.N.E.P.O. S.Paulo (Brasil). Professor Auxiliar do Serviço de Medicina e Cirurgia Oral do Instituto Superior Ciências da Saúde – Norte. Regente da unidade curricular de Técnicas de Anestesia e Cirurgia Oral no Instituto Superior Ciências da Saúde – Norte.

João Fontes Pereira, Dr.

Licenciatura em Medicina Dentária pela Universidade Fernando Pessoa. Pós-Graduado em Reabilitação Oral com Implantes pela Faculdade de Medicina do Porto. Pós-Graduado em Periodontologia pelo ISCS-N. Mestrando em Periodontologia no ISCS-N. Residência Clinica de Implantologia - Clinica OralConcept. Coordenador Clinico da Pós Graduação Implantologia Oral ISCS-N. Docente da Pós Graduação Implantologia Oral ISCS-N. Professor Assistente da Disciplina de Clinica Cirúrgica e Periodontal I e II, ISCS-N. Director Técnico de Medicina Dentária do Hospital António Lopes.

Hugo Gandra, Mestre

Mestrando em Ortodontia. Curso de Oclusão na prática clínica. Curso de Pós-Graduação em Implantologia Oral 1º Edição. Mestrado Integrado em Medicina Dentária. Curso de Pós-Graduação em Sexologia Clínica. Curso de Pós-Graduação Básica /Avançada em Terapia Cognitivo Comportamental. Licenciatura Pré- Bolonha em Psicologia Clínica. Médico dentista desde 2010. Psicologo.  Sexólogo no Serviço de Urologia no Centro Hospitalar do Porto - Hospital de Santo António, Porto. Docente e assistente da atividade clínica no Curso de Membrana “Leukocytes platelets Rich Fibrinn– L-PRF” – Aplicação em Medicina Dentária (CESPU Formação). Assistente da atividade clínica no curso de Pós Graduação em Implantologia Oral (II/III/IV/V Edição).

Manuel Francisco Coelho, Mestre

Mestrado Integrado em Medicina Dentária. Formação teórica e prática:Odontopediatria, Periodontologia, Cirurgia Oral, Dentisteria operatória, Endodontia, Reabilitação oral (Prótese Fixa e Removível), Medicina Dentaria Preventiva e Comunitária. Curso de Pós-Graduação em Implantologia Oral.Curso Internacional de Cirurgia Avançada em Implantodôntia. Bacharelato em Enfermagem. Médico dentista.