Introdução

A Endodontia é uma área da Medicina Dentaria, que tem por objectivo a prevenção e tratamento das patologias da polpa dentária e periapicais com origem no espaço pulpar, estando na base da manutenção de muitas peças dentárias que de outro modo seriam extraídas, bem como da resolução da maioria da patologia periapical.
A Endodontia é das áreas da Medicina Dentaria que mais evoluiu nos últimos anos quer técnica quer cientificamente, com a introdução na prática clínica de inúmera investigação inovadora e de conceitos teóricos que rompem com algum passado recente, e com o desenvolvimento de novas técnicas que implementam esses conceitos.
Essas inovações democratizaram a endodontia, permitindo que uma ciência pouco procurada, com qualidade média muito discutível e mal amada pela maioria dos Médicos Dentistas devido à dificuldade de execução e paciência requerida, se tenha transformado numa área com prognósticos óptimos e previsíveis, devido á capacidade que praticamente todos dos profissionais têm em executar tratamentos com alto índice de qualidade e com muito menos esforço, não necessitando de vocação especial para tal.

Data de realização do curso

17 de Janeiro de 2011

Áreas de conhecimento

  • Medicina Dentária

Estrutura curricular

UNIDADE CURRICULAR 1- ENDODONTIA ACTUAL E SUAS TENDÊNCIAS. PREPARAÇÃO PARA O TRATAMENTO ENDODÔNTICO

  • Endodontia actual e suas tendências
    • Novas tecnologias: RVG, Laser, Microscopia, Ultra-som, Localizadores de ápex, etc;
    • Tratamento endodôntico actual;
  • Estudo do Espaço Pulpar
    • Histologia, Embriologia e Fisiologia da polpa dentária;
    • Anatomia endodôntica;
  • Anestesia em endodontia
  • Preparação do dente para o TER
    • Isolamento absoluto e pré-tratamento endodôntico;
  • Acesso ao espaço endodôntico
    • Abertura da cavidade de acesso e localização dos canais radiculares;
    • Utilização de meios de aumento do campo operatório, lupas e microscópico clínico;
    • Instrumental mecânico e ultra sónico;
    • Problemas do acesso e sua implicação no TER;
  • Determinação do comprimento de trabalho.
    • Limite apical do TER;
    • Localizadores electrónicos de ápice (LEA);
    • Resolução de problemas na utilização do LEA;

PRÁTICA
  • Instrumental endodôntico;
  • Reconhecimento da anatomia endodôntica em dentes naturais;
  • Cavidades de acesso;
  • Localizadores de ápex;

UNIDADE CURRICULAR 2 - DIAGNÓSTICO, PROGNÓSTICO E TRATAMENTO DA PATOLOGIA ENDODÔNTICA
  • Instrumentação dos canais radiculares
    • Conceitos e base da instrumentação;
    • Instrumentação Manual: historial, conceitos, actualidades;
    • Instrumentação Manual Clássica, Step Back, Crown Down e Técnica balanceada;
  • Instrumentação Rotatória mecanizada
    • Fundamentos, Instrumentos, Motores, Desenvolvimento da técnica;
  • Obturação dos canais radiculares
    • Conceitos básicos, objectivos;
    • Requisitos para a obturação;
    • Materiais de Obturação;
  • Técnicas de Obturação
    • Técnica de condensação lateral;
    • Técnica Híbrida;
    • Técnicas termoplásticas:
    • System B;
    • Obtura II;
    • BeeFill;
    • Sistemas de Obturação Resilon, EndoRez, GuttaFlow, etc;
    • Outras técnicas;
  • Conceito de Selamento Apical e coronário
    • Materiais e técnicas adesivas na endodontia;
  • Irrigação conceitos básicos/actuais
    • Princípios de actuação dos irrigantes ;
    • Espaço pulpar depois da instrumentação;
    • Smear Layer: remover ou não?
    • Tipo de patologia versus tipo de irrigação / irrigante;
    • Novos conceitos de irrigação;
  • Soluções irrigantes
    • Classificação das soluções irrigantes
    • Optimização das soluções irrigantes
    • Novos irrigantes
  • Técnicas de irrigação
    • Materiais e instrumentos utilizados;
    • Princípios e mecanismos de utilização;
    • Como actuar após um mau uso do irrigante;
    • Irrigação ultra sónica passiva versus irrigação sónica passiva;
  • Tratamento conservador da polpa dentária versus Tratamento Endodôntico Radical (TER).
    • Tratamento de dentes com apex não formado;
  • Patologia pulpar Inflamatória
  • Patologia pulpar degenerativa
  • Necrose Pulpar
  • Meios de diagnóstico
    • Radiologia em endodontia;
    • Rx Digital vantagens e desvantagens;
  • MTA- Bases da aplicação clínica
  • Patologia Periapical
  • Microbiologia do espaço pulpar
  • Tratamento em sessão única versus multi-sessão
  • Importância da restauração dos dentes tratados endodonticamente
    • Materiais provisórios entre sessões, restaurações definitivas;

PRÁTICA
  • Instrumentação de canais radiculares - técnica de rotação contínua
    • Profile GT;
    • Protaper;
    • Mtwo;
    • Hero 642 e Hero Shaper;
    • K3;
    • Outros sistemas;
  • Obturação de canais radiculares;
    • Técnica de condensação lateral;
    • Técnica Híbrida;
    • Técnicas termoplásticas:
    • System B;
    • Obtura II;
    • BeeFill;
    • Sistema Resilon;
    • Sistema GuttaFlow;
    • EndoRez;
    • Outras;
  • Irrigação
    • Diferentes técnicas e materiais;
    • Ultra-sons na irrigação;

UNIDADE CURRICULAR 3 - RETRATAMENTO CIRÚRGICO E NÃO CIRÚRGICO
  • Retratamentos não cirúrgicos
  • Desobturação do espaço radicular
    • Remoção de coroas;
    • Remoção de espigões intra-radiculares e instrumentos fracturados;
    • Remoção da obturação dos materiais obturadores Guta percha, cimentos e outros;
  • Acidentes na Instrumentação, fracturas de instrumentos, erros de preparação, perfurações.
  • Resolução desses problemas
  • MTA - Aplicação clínica no retratamento
  • Retratamentos cirúrgicos
  • Microcirurgia endodontica
  • Materiais e técnicas na Microcirurgia endodontica
    • Microscópio;
    • Ultra-sons;
    • Apicectomia;
    • Obturação retrógrada;
  • Tomada de decisão: Endodontia (tratamento ou retratamento) ou Implantes dentários
    • Avaliação da razoabilidade entre manter a peça dentária ou em extrair e colocar Implantes dentários;

PRÁTICA
  • Retratamentos endodônticos.
  • Obturação de canais radiculares.
  • Utilização de Microscópio e Ultra-Sons.
  • Realização de cirurgia endodôntica com obturação retrógrada, em mandíbulas de porco.
  • Possibilidade de execução e/ou assistência de cirurgia em paciente.

UNIDADE CURRICULAR 4 - RESTAURAÇÃO DE DENTES TRATADOS ENDODONTICAMENTE. BRANQUEAMENTO DENTÁRIO NÃO-VITAL
  • Restaurações directas e indirectas;
  • Meios de retenção, núcleos, espigões radiculares;
  • Branqueamento não vital;
    • Etiologia e patogenia das descolorações dentárias;
    • Diagnóstico da patologia prévia;
    • Tratamento das descolorações, prognóstico e manutenção;
    • Efeitos secundários e sua prevenção;
    • Novas técnicas e novos materiais;

PRÁTICA
  • Utilização de espigões radiculares de fibra com técnica all-bond.
  • Reconstrução de dentes tratados endodonticamente.
  • Manuseamento e execução de diferentes materiais e técnicas de branqueamentos não vital.

Documentação necessária de candidatura

Curriculum Vitae em modelo Europass (Consulte os documentos de suporte);
Fotocópia do Certificado de Habilitações;
Preenchimento do boletim de candidatura (Consulte os documentos de suporte);
Fotocópia do Bilhete de Identidade, cartão de contribuinte;
2 Fotos tipo passe devidamente identificadas (não são aceites fotografias digitalizadas);
Cheque ou comprovativo de transferência para o NIB 0033.0000.00048634338.29, no valor da candidatura.

Informação e contactos

CESPU-Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Campus Universitário de Gandra - Paredes
Campus Universitário de Gandra - Paredes
R. Central de Gandra, 1317
4585-116 GANDRA PRD - PORTUGAL

Entidades parceiras

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

Formar os alunos habilitando-os e dando-lhe competências que lhes permitam:

  • Obter conhecimentos básicos a nível anatómico e fisiológico do tecido pulpar e periodontal, assim como a sua relação com as estruturas circundantes de suporte.
  • Compreender, diagnosticar, traçar planos de tratamento e prever prognósticos sobre as patologias pulpares e periapicais de origem endodôntica.
  • Executar todos os tratamentos e retratamentos endodônticos independentemente do grau de dificuldade: normal, médio e diferenciado.
  • Conhecer e compreender as bases da microcirurgia endodôntica.
  • Criar as bases para restaurar e branquear dentes tratados endodonticamente.
  • Relacionar a endodontia clínica com outras áreas da medicina dentária.
  • Conhecer e ter capacidade de utilizar as mais recentes técnicas e materiais do arsenal da endodontia moderna.

Resumo

A Endodontia é uma área da Medicina Dentaria, que tem por objectivo a prevenção e tratamento das patologias da polpa dentária e das patologias periapicais com origem no espaço pulpar, ou seja com origem no vulgarmente chamado "nervo do dente" pelo cidadão anónimo menos conhecedor.

Metodologia

Os módulos que compõem este curso serão leccionados em aulas teóricas e práticas laboratoriais pré-clínicas, cuja finalidade será fazer uma docência interactiva com o aluno. Algumas das competências terão uma componente clínica que aprofundarão os conhecimentos teóricos e práticos adquiridos.

Destinatários

Licenciados ou Mestres em Medicina Dentária e Licenciados em Medicina especialistas em Estomatologia por Universidades Portuguesas ou por outras Universidades com habilitação legalmente equivalente.

Candidatura e selecção

Ordem de Inscrição, Análise Curricular Académica e Profissional.

Nº de vagas para o curso

16

Carga horária

Aulas teóricas e laboratoriais: 200 Horas
Aulas clínicas: 60 Horas

Unidades de crédito do curso

30

Critérios de aprovação

O número de faltas não poderá exceder 15% da carga horária. A avaliação é contínua e são avaliados os trabalhos práticos bem como a participação dos alunos nas aulas.

Duração e regime

O Curso decorrerá de Janeiro a Dezembro de 2011. As aulas teóricas e laboratoriais decorrerão em módulos de dois dias, às segundas e terças-feiras, das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 20h00. Os módulos têm uma periodicidade de um módulo por mês salvo em situações pontuais em períodos de férias ou outros. As aulas clínicas serão em datas a combinar caso a caso de acordo com a disponibilidade da clínica, dos docentes e do aluno por esta ordem.

Cronograma

PROVISÓRIO
17 e 18 de Janeiro de 2011
14 e 15 de Fevereiro de 2011
14 e 15 de Março de 2011
11 e 12 de Abril de 2011
16 e 17 de Maio de 2011
13 e 14 de Junho de 2011
12 e 13 de Setembro de 2011
24 e 25 de Outubro de 2011
21 e 22 de Novembro de 2011
12 e 13 de Dezembro de 2011
Existe uma parte de Pratica clínica que será calendarizada caso a caso, de acordo com o definido no programa geral do curso.
O Cronograma poderá sofrer alterações por parte da Coordenação Pedagógica, sendo comunicado atempadamente.

Corpo docente

Rui Madureira, Prof. Doutor
Licenciado em Medicina Dentária pela Faculdade de Medicina Dentaria da Universidade do Porto. Doutorado em Endodontia pela Universidade de Valência - Espanha. Professor Auxiliar do Instituto Superior Ciências da Saúde - Norte. (ISCS-N). Chefe do Serviço de Medicina Dentaria Conservadora do Curso de Medicina Dentaria do ISCS-N. Regente das unidades curriculares: Técnicas Endodônticas I e II. Professor Convidado do Mestrado de Endodontia da Universidade de Valência.
Leopoldo Forner, Prof. Doutor

Licenciado em Medicina y Cirugía. Médico Especialista en Estomatología. Doutorado pela Universidade de Valência - Espanha. Diplomado en Investigación Operativa. Professor Titular do Departamento de Estomatología. Facultad de Medicina y Odontología. Universitat de València. Estudi General (UVEG). Coordenador da Unidad Docente de Patologia y Terapéutica Dentales. Departamento de Estomatología (UVEG). Co-Director del Máster de Endodoncia y del Diploma en Técnicas de Blanqueamiento Dental (UVEG).

Maria João Lobo, Mestre

Licenciada em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto Licenciada em Medicina Dentária pela Faculdade de Medicina Dentaria da Universidade do Porto. Mestre pela Faculdade de Santiago de Compostela - Espanha. Regente das unidades curriculares: Técnicas de Dentisteria e Clínica Conservadora III no IUCS.

Márcia Costa, Profa. Doutora
Licenciada em Medicina Dentária pelo ISCS-N. Doutorada em Endodontia pela Universidade de Valência - Espanha. Professora Auxiliar do Instituto Superior de Ciências da Saúde - Norte (ISCS-N). Regente das unidades curriculares: clínica Conservadora I e II.
Liliana Castro, Profa. Doutora
Licenciada em Medicina Dentária pelo ISCS-N. Doutorada pela Facultad de Medicina y Odontología. Universitat de València. Estudi General (UVEG). Assistente nas unidades curriculares do Serviço de Medicina Dentaria. Conservadora do Curso de Medicina Dentaria do ISCS-N.
Ana Sofia Amorim, Mestre
Licenciada em Medicina Dentária pelo ISCS-N. Mestre em Dentisteria pela Faculdade de Medicina Dentaria da Universidade do Porto. Assistente nas unidades curriculares do Serviço de Medicina Dentaria Conservadora do Curso de Medicina Dentaria do ISCS-N.
Pedro Bernardino, Prof. Doutor

Doutorado na área da Endodontia pela Faculdade de Medicina e Odontologia da Universidade de Valência - Espanha; Licenciado em Medicina Dentária pelo ISCS-N. Mestre em Cirurgia pelo ISCS-Norte, Assistente nas unidades curriculares do Serviço de Medicina Dentaria Conservadora do Curso de Medicina Dentaria do IUCS até 2015.

Mário Barbosa, Prof. Doutor

Licenciado em Medicina Dentária pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte (ISCS-Norte).
Doutorado pela Universidade de Santiago de Compostela - Espanha.
Professor Auxiliar do Serviço de Medicina Dentária Conservadora do Instituto Universitário de Ciências da Saúde, CESPU - Portugal (IUCS).
Regente da Unidade Curricular de Clínica Conservadora III do Mestrado Integrado de Medicina Dentária do IUCS. 

Joana Garcez, Profª. Doutora

Licenciada em Medicina Dentária pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde do Norte (ISCS-Norte)

Pós-graduada em Dentisteria Estética pelo ISCS-Norte

Doutorada em Odontoestomatologia pela Universidade de Santiago de Compostela - Espanha

Professora auxiliar do serviço de Medicina Dentária Conservadora do Instituto Universitário de Ciências da Saúde, CESPU - Portugal (IUCS)

Regente da Unidade Curricular de Clínica Conservadora I do Mestrado Integrado de Medicina Dentária do IUCS

Docente do Curso de Pós-Graduação em Endodontia do IUCS

Docente convidada do Máster en Estética y Rehabilitación Oral do Barcelona Dental Institute - Espanha

Prática clínica dedicada à Dentisteria Estética    

Emolumentos

Candidatura
50 Euros
Propinas
3.900 Euros ou 12 prestações mensais de 325 Euros.
(Cheques pré-datados)
20% Desconto para Cooperantes e funcionários da CESPU.
10% Desconto para Ex-alunos da CESPU, e para Instituições Protocoladas.
5% Desconto a pronto pagamento.