Introdução

O curso de Pós Graduação em Enfermagem de Nefrologia visa colmatar a formação teórico-prática nesta área de prestação de cuidados, e reciclar os conhecimentos de forma a acumular valor a prática diária.
A Doença Renal Crónica emerge hoje como um sério problema de saúde pública em todo mundo com forte impacto no individuo (físico, psicológico e social) na família e comunidade.
O enfermeiro como profissional imprescindível neste processo de cuidar deve contribuir para a excelência e qualidade da assistência ao paciente, sustentando as suas atitudes em valores éticos e humanos, exercendo as suas funções clínicas e técnicas juntamente com a equipe multiprofissional.
As técnicas de substituição renal foram evoluindo ao longo dos tempos e não se restringem aos programas convencionais de hemodiálise e diálise peritoneal, passam também pelas técnicas contínuas de substituição renal, bem como a transplantação renal, é pois primordial criar uma linguagem comum de actuação na área da Enfermagem de Nefrologia.

Data de realização do curso

14 de Novembro de 2008

Local(is) de realização

Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa - Gandra-Paredes

Áreas de conhecimento

  • Enfermagem

Estrutura curricular

MÓDULO 1 - GESTÃO
- Gestão de recursos humanos
- Gestão dos Serviços de Saúde
- Qualidade dos Serviços de Saúde
- I&D

MÓDULO 2 - ASPECTOS ÉTICOS E BIOÉTICOS
- Politicas de saúde
- Dimensão ética

MÓDULO 3 - METODOLOGIAS DE INVESTIGAÇÃO
- Princípios básicos
- Curso SPSS

MÓDULO 4 - NEFROLOGIA I
- natomo fisiologia renal
- Insuficiência renal aguda

MÓDULO 5 - NEFROLOGIA II
- Insuficiência renal crónica

MÓDULO 6 - FARMACOLOGIA
- Terapêutica médica da insuficiência renal avançada
- A gestão terapêutica pelo enfermeiro

MÓDULO 7 - CONTROLE DE INFECÇÃO
- Controle e prevenção de infecção em serviços com terapia de substituição renal
- Vigilância epidemiológica de infecção
- Precauções de riscos biológicos
- Profilaxia das doenças infecto-contagiosas em unidades de terapia de substituição renal

MÓDULO 8 - RELACIONAMENTO INTERPESSOAL E HUMANIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA/ ASPECTOS PSICOLÓGICOS
- Relacionamento enfermeiro/paciente portador de insuficiência renal aguda / crónica em programa de terapia de substituição renal
- Actuação profissional em equipa
- Referencial teórico da comunicação
- Técnicas de comunicação terapêutica
- Humanização da assistência de enfermagem
- Família
- Sociabilização
- Apoio do serviço social ao insuficiente renal crónico

MÓDULO 9 - NUTRIÇÃO NA INSUFICIÊNCIA RENAL
- Avaliação nutricional
- Necessidades dietéticas
- Restrições nutricionais
- Correcção da má nutrição

MÓDULO 10 - ACESSOS VASCULARES
- Tipos de acessos vasculares
- Cuidados de enfermagem no pós-operatório
- Ensinos ao doente
- Complicações

MÓDULO 11 - MÉTODOS DE SUBSTITUIÇÃO DA FUNÇÃO RENAL
HEMODIÁLISE
- Princípios básicos
- Anti-coaguloterapia

HEMODIÁLISE PEDIÁTRICA
- Indicações de diálise aguda ou crónica em pediatria
- Modalidades de diálise
- Rescrição dialítica
- Acesso vascular
- Complicações dialíticas
- Tratamento do paciente pediátrico com Insuficiência Renal Crónica

DIÁLISE PERITONEAL
- Fisiologia e anatomia do peritoneu
- Acesso peritoneal
- Prescrição e adequação da diálise peritoneal crónica
- Complicações da diálise peritoneal
- Modalidades de diálise peritoneal
- Técnicas de troca de bolsas
- Cuidados de enfermagem
- Avaliação domiciliária

TECNICAS CONTINUAS DE SUBSTITUIÇÃO RENAL EM CONTEXTO DE CUIDADOS INTENSIVOS
- Hemodiafiltração contínua
- Ultrafiltração Contínua
- Hemofiltração Contínua
- Hemodiálise Contínua
- Curso de técnicas dialiticas

TRANSPLANTE RENAL
- Epidemiologia do transplante em Portugal
- Selecção do doador e receptor
- Resposta imune ao transplante
- Imunossupressores
- Complicações pós transplante renal
- Legislação relativa a doação e ao transplante de órgãos

MÓDULO 12 - PROMOÇÃO E EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE
- Qualidade de vida
- Follow up

MÓDULO 13 - URGÊNCIAS
- Complicações durante a hemodiálise
- Curso de Suporte Avançado de Vida

Documentação necessária de candidatura

Curriculum Vitae em modelo Europass (ver anexo);
Fotocópia do Certificado de Habilitações;
Preenchimento do boletim de inscrição (ver anexo);
Fotocópia do Bilhete de Identidade, cartão de contribuinte;
1 Fotografia;
Cheque no valor da candidatura;

Informação e contactos

CESPU-Formação
Rua Central de Gandra, 1317
4585-116 Gandra - Paredes
Tel. 224 157 174/06
info@formacao.cespu.pt
www.cespu.pt

Local(is) de formação do curso

Campus Universitário de Gandra - Paredes
Campus Universitário de Gandra - Paredes
R. Central de Gandra, 1317
4585-116 GANDRA PRD - PORTUGAL

Entidades parceiras

Coordenação científica

Coordenação pedagógica

Objetivos

Desenvolver competências técnico-científicas, humanas e éticas nos domínios da promoção da saúde, prevenção da doença e promoção de processos de reparação/readaptação.
Desenvolver uma linguagem comum de actuação na área da Enfermagem de Nefrologia direccionada para as áreas de clínica médica, hemodiálise, diálise peritoneal, técnicas contínuas de substituição renal e transplante renal.

Resumo

O curso de Pós Graduação em Enfermagem de Nefrologia visa colmatar a formação teórico-prática nesta área de prestação de cuidados, e reciclar os conhecimentos de forma a acumular valor a prática diária.
A Doença Renal Crónica emerge hoje como um sé

Metodologia

As aulas serão teóricas e práticas, sendo condição para a conclusão da pós graduação a aprovação em todos os módulos. As notas serão de 0 a 20. A avaliação de cada disciplina é definida pelo professor respectivo na primeira aula.

Destinatários

Licenciados em Enfermagem

Candidatura e selecção

Análise curricular Académica e Profissional e ordem de inscrição.

Nº de vagas para o curso

25

Carga horária

308 Horas

Unidades de crédito do curso

30

Critérios de aprovação

O número de faltas não poderá exceder 20% da carga horária.
Aprovação a todos os módulos e no relatório final.

Duração e regime

O Curso decorrerá de Novembro de 2008 a Julho de 2009.
As aulas decorrerão à sexta-feira, das 16h00 às 20h00 e ao sábado, das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Cronograma

PROVISÓRIO
14,15, 21,22,28 e 29 de Novembro de 2008
5, 6, 12 e13 de Dezembro de 2008
9, 10, 23, 24, 30 e 31 de Janeiro de 2009
6, 7,13,14, 27 e 28 de Fevereiro de 2009
6,7,13, 14, 27 e 28 de Março de 2009
3,4, 17 e 18 de Abril de 2009
8, 9,15,16, 22, 23,29 e 30 de Maio de 2009
5, 6, 19, 20 e 27 Junho 2009
3, 4, 17 e 18 Julho 2009
O Cronograma poderá sofrer alterações por parte da Coordenação Pedagógica, sendo comunicado atempadamente.

Corpo docente

Jorge Proença, Prof. Doutor
Director do ISCS-N e Professor da disciplina de Farmacologia do IPSN e ISCSN.
Estêvão Lafuente, Dr.
Médico Intensivista. Director da Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Padre Américo - Vale do Sousa. Médico Operacional da VMER - INEM. Docente da área de Emergência no IPSN-CESPU.
Eva Xavier, Dra.
Professora Catedrática Associada Convidada da Universidade do Porto Instituto de Ciências Biomédica do curso de Medicina até 1987. Nefrologista Especialista em Medicina Interna e Nefrologia; Ex Directora do serviço de Nefrologia e de transplantes do Hospital Stº António Porto; Ex Directora da comissão de diálise e transplantação; Directora Clínica dos centros de hemodiálise da Ordem de São Francisco e Ponte da Barca.
Isabel Veloso, Enfa.
Licenciada em Enfermagem medico cirúrgica; Pós graduada em controle de infecção; Coordenadora da Comissão de Controle de Infecção do Hospital de São Marcos; Mestranda de infecção em cuidados de saúde.
David Lourenço, Enf.
Licenciado em Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiatria; Pós Graduado em Gestão e Administração Hospitalar; Enfermeiro Operacional da VMER – Viana do Castelo e HELICOPTERO – sediado no Hosp. Pedro Hispano – INEM; Docente da área da Saúde Mental e Psiquiatria no IPSN-CESPU; Mestrando em Gestão de Recursos Humanos (UM).
Sonia da Silva, Dra.
Licenciada em Serviço social; Graduada em Concepção Gestão e Avaliação de Projectos em Instituições de Economia Social; Membro da comissão Executiva do centro de formação do HMR1.
Assunção Nogueira, Profa. Doutora
Doutorada em Educação, na área da prestação de cuidados pela família; Mestre em Ciências de Enfermagem na área de cuidados à família; Especialista em Enfermagem Comunitária; Investigadora do CITS (Centro de Investigação de Tecnologias da Saúde) na área da prestação de cuidados informais; Professora Coordenadora do IPSN no Curso Licenciatura em Enfermagem e Pós Licenciatura em Especialidade de Enfermagem Comunitária; Membro Fundador da APEG.
Jose Antonio Pinho, Prof. Doutor

Doutorado pela USC. Mestrado em Saúde Pública, Gestão de unidades de saúde. Pós-Graduação em gestão hospitalar. Licenciado em Enfermagem pela Escola de Enfermagem Dª Ana Guedes Porto.  Enfermeiro chefe no serviço de cuidados intensivos do Centro Hospitalar do Porto. Docente da CESPU.

Anabela Mónica Pereira Monteiro, Dra.
Licenciada em psicologia pela faculdade de psicologia e ciências da educação da Universidade do Porto. Psicóloga do C.H.C.FERREIRA. Docente convidada da CESPU na P.L.E.E.S.M.P
Maria do Rosario Ramos Caetano Pereira, Enfa.
Licenciada em enfermagem pela escola de enfermagem da cidade do Porto. Directora do gabinete de coordenação de colheita e transplantação. Enfermeira supervisora e adjunta da Direcção de Enfermagem do C.H.Porto.
Maria la Salete, Dra.
Licenciado em Medicina e Médica no Serviço de Nefrologia do C.H. Porto.
Anselmo Madureira, Enf.
Licenciado em enfermagem na escola de enfermagem Dª Ana Guedes Porto.Enfermeiro Especialista em Médico Cirurgica. Responsável pela Hemodialise do Serviço de Nefrologia do C.H. Porto.
Suzana Rios, Enfa.
Licenciada em enfermagem e especialista em Médico-cirúrgica no Serviço de Nefrologia do C.H. Porto. Consultora para a diálise peritonial do Grupo Fresenius.
Fernando Vilares, Enf.
Licenciado em enfermagem, especialista em Médico-cirúrgica e Enfermeiro Chefe no Serviço de Nefrologia do C.H. Porto. Presidente da A.P.E.D.T.
Filipe Monteiro, Dr.
Licenciado em Gestão de Recursos Humanos pelo ISCTE, encontrando-se em fase de dissertação no mestrado de Gestão de Recursos Humanos pela Universidade do Minho. Tem desenvolvido a sua experiência profissional na área da Consultoria, tendo participado em projectos de diagnóstico e intervenção em Organizações da Saúde e do sector Social. Esteve envolvido em diversos programas universitários e de formação-desenvolvimento de competências de gestão direccionados para Directores, Gestores e Quadros Técnicos dos sectores da Saúde e Social.

Emolumentos

Candidatura
50 Euros
Propinas (IVA INCLUIDO)
Para Cooperantes da CESPU, CRL
2.700 Euros ou 10 prestações mensais de 270 Euros
Para Não Cooperantes da CESPU, CRL
2.900 Euros ou 10 prestações mensais de 290 Euros
(Cheques pré-datados)