Anatomia patológica, citológica e tanatológica

Permitiu-me ingressar na área da saúde no âmbito laboratorial e na carreira docente.

Fernanda Garcez - Ex-aluna  e Docente no IPSN

Promoveu o meu crescimento a nível individual e profissional, estabelecendo formas adaptativas necessárias e fundamentais para ingressar no mundo de trabalho.

Mónica Teixeira - Ex-aluna

Fisioterapia

Ser docente de Fisioterapia é um orgulho e um privilégio, pois permite-me participar na formação de futuros colegas de uma profissão que, se bem exercida, é extremamente bonita e gratificante.
É maravilhoso conhecer os alunos no primeiro ano, poder acompanhar o seu trajeto ao longo dos 4 anos do curso e perceber a evolução que sofreram, não só a nível académico e profissional, mas também humano e social.

Nuno Nogueira - Docente IPSN, professor adjunto do Departamento de Fisioterapia da Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa

É de louvar a iniciativa da faculdade colocar no seu site um espaço que permita a divulgação de opiniões, permitindo o seu crescimento, contribuindo para uma melhoria na área da saúde que é o nosso principal objetivo.
Enquanto ex-aluna desta instituição gostaria de frisar a qualidade das instalações e, principalmente, dos recursos humanos que proporcionaram a aprendizagem necessária para a minha inserção na sociedade/mundo do trabalho.
Também destaco a boa qualidade dos estágios que proporcionaram uma boa transição entre a componente teórica, tão bem lecionada pelos docentes da instituição, e a componente prática. Foi aqui que cresci enquanto profissional de saúde, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida de todos aqueles que careçam dos nossos serviços.

Bárbara Azevedo - Ex-aluna

Podologia

Os alunos de Podologia, durante a sua formação superior, contam com um ensino pioneiro e único em Portugal. A sua formação académica durante os dois primeiros anos é de carácter universal na área das ciências da saúde, integrando simultaneamente práticas laboratoriais e pré-clínicas. Durante os dois últimos anos, contam com especialização nas diferentes vertentes clínicas de Podologia a nível teórico e prático, em contato direto com o doente. A formação académica de Podologia conta com um corpo docente próprio e especializado.
O estágio em Podologia permite aos alunos um contacto direto com o doente em meio real de trabalho. Este estágio passa por clínicas da especialidade da própria cooperativa e por unidades hospitalares, permitindo a estes profissionais avaliar o doente, elaborar o diagnóstico e executar o plano de tratamento com a devida autonomia profissional.
É, atualmente, um dos cursos na área das Ciências e Tecnologias da Saúde, com maior taxa de empregabilidade, atendendo às necessidades impostas pela sociedade e pela juventude do curso em Portugal. O desejo e apetência pela atuação e intervenção na área da Saúde, com autonomia técnica e clínica, pode ser praticado, na área da saúde do pé, através da obtenção da licenciatura em Podologia.

Domingos Gomes - Docente do IPSN

Cardiopneumologia

O plano do Curso está bem elaborado, satisfaz os requisitos da atividade formativa de técnicos de Cardiopneumologia; a qualidade dos docentes e dos meios de formação prática são adequados e há a preocupação de os atualizar continuamente. A exigência da demonstração de nível elevado de capacidade e competência profissionais é um objetivo da escola.

António Braga - Docente no IPSN

A informação e formação que obtive na ESSVA, complementada pelos estágios profissionalizantes foram excelentes e amplamente suficientes para a minha inserção e prática profissionais.

Mónica Teixeira - Ex-aluna

Análises clínicas e saúde pública

Na qualidade de ex-aluna (1998-2002), atualmente a exercer funções na área da minha licenciatura, considero que os 4 anos passados na IPSN-ESSVA foram um importante alicerce para a minha vida profissional.
Saliento a qualidade e o empenho dos docentes e o espírito académico vivido nesta instituição.
Orgulho-me de ver a IPSN-ESSVA crescer e a formar cada vez mais profissionais com qualidade .

Susete Casimiro - Ex-aluna, licenciada em 2002.

Quando comecei o meu curso (2001), o IPSN-ESSVA tinha pouco tempo de vida. Funcionava numas instalações provisórias que em nada condiziam com a qualidade de ensino que ministravam. Aos poucos foram crescendo e nos dias de hoje, existe uma relação de equidade entre a qualidade do espaço e de ensino que se encontra neste estabelecimento.
Conheço bem a veracidade destes factos pois acompanhei e vivi as duas fases do IPSN-ESSVA. Cresceu e continua a crescer. Os objetivos alcançados nas várias vertentes em que está presente na cidade é prova disso, procura sempre responder a mais e mais objetivos e necessidades daqueles que servem.
Acabei o meu curso há 2 anos e a minha relação com esta casa ainda é muito viva, por isso, não é só viver no IPSN-ESSVA enquanto nos formamos, mas viver este enquanto fonte contínua de aprendizagem e comunidade.
A todos um bem haja pelo serviço prestado!
Aproveitem, é sempre bom viver experiências enriquecedoras como a minha.

Vitor Cunha - Ex-aluno, licenciado em 2005

Como ex-aluno da Escola Superior de Saúde do Vale do Ave (ESSVA), devo dizer que me sinto orgulhoso e honrado por fazer todo o meu percurso superior académico numa escola de excelência.
Licenciei-me em Análises Clínicas e de Saúde Pública em 2003, quando já tinha iniciado a minha carreira na Unidade Local de Saúde de Matosinhos. No presente momento exerço funções no Centro de Biologia Molecular do Hospital S. Soão. Profissionalmente sinto-me muito realizado e por essa razão aproveito a oportunidade de expressar o meu apreço por todos os que possibilitaram a minha formação, especialmente a todo o pessoal docente da escola pela sua capacidade pedagógica e também a todos os colegas e amigos de curso, e não só, pelo excelente ambiente criado em que estava inserido.
Ainda tive o prazer de fazer a licenciatura nas novas instalações e gostava de salientar a evolução que a escola teve ao longo do tempo. É uma escola moderna e com os recursos necessários para o nível de ensino ministrado, possibilitando desta forma, que o aluno saia para o mercado de trabalho com as competências adequadas e com todo o conhecimento ético-cientifico tão valioso nos dias de hoje."
Um bem haja a todos.

Gilberto Tavares - Ex-aluno, finalista em 2003

Farmácia

O curso de Farmácia teve uma grande importância na minha vida pessoal e profissional, pois proporcionou-me conhecimentos que me permitiram crecer como pessoa e como profissional de saúde. Neste momento sinto-me realizada.

Susana S.H. - Ex-aluna

Marketing farmacêutico

O Curso Superior de Marketing Farmacêutico dá-nos uma visão real do quotidiano na Indústria Farmacêutica, em todas as suas vertentes, desde a fase de produção do medicamento, até ao conjunto de ações que envolvem o seu marketing e comercialização. O estágio final concede-nos experiência, visão, capacidade e conhecimentos, através do contato com a realidade do nosso futuro ambiente de trabalho.
Se gostavas de ter uma profissão dinâmica, interessante e com futuro, junta-te a Nós!

"Ex-aluna"

O Curso Superior de Marketing Farmacêutico foi a ponte para o mercado de trabalho, uma jornada pouco fácil de vencer, mas com um culminar inigualável, o de concretizar um Sonho.

"Ex-aluna"

Enfermagem

"Ó tempo volta para trás…", esta é a frase que resume o que sinto quando recordo os quatro anos de curso de enfermagem que frequentei na ESSVA.
Foram quatro anos que passaram rápido, pois o tempo parece voar quando fazemos algo que gostamos, na verdade não foi só a licenciatura que tirei nesta escola, mas também um “curso de vida”. Foram muitas as pessoas que conheci, muitas amizades que se iniciaram, e que ainda hoje perduram, muitas alegrias, algumas tristezas e desilusões, muito esforço e dedicação, o stress dos exames, as experiências dos estágios, a vida boémia de estudante, enfim posso dizer que foram quatro anos repletos de emoções, que em tão poucas linhas não consigo descrever.
Ainda hoje guardo religiosamente a minha T-shirt de caloiro, que simboliza o inicio, a camaradagem e espírito de grupo, ainda guardo a minha capa, que tão orgulhosamente colocava nos meus ombros, símbolo do espírito académico, de igualdade e responsabilidade, e claro está a cartola e a bengala símbolos do fim da vida académica e o inicio de uma nova etapa que é a vida profissional.
São muitas as histórias e os momentos que guardo na memória, daqueles que foram dos melhores anos da minha vida, foi nesta escola que me tornei enfermeiro e foi nesta escola que cresci e amadureci como Homem.

João Santos - Ex-aluno - 1º curso Licenciatura enfermagem da ESSVA, 1999-2003

A CESPU proporcionou-me inúmeras competências necessárias ao meu desenvolvimento enquanto Enfermeiro, envolveu-me, durante os 3 anos, num forte espírito académico que contribuiu para o meu desenvolvimento pessoal e me ensinou valores de amizade e companheirismo, essenciais para o desenvolvimento do trabalho em equipa, um elemento importantíssimo na nossa profissão.
Fazendo uma retrospetiva, relembro todos os momentos que passei na escola, desde o primeiro ano, onde reinam as dúvidas e a vontade de conseguir algo, até ao último, em que não sabemos o que nos espera no mundo do trabalho, em que não sabemos o que iremos fazer. Sem esquecer, claro, todas as horas de estudo, o stress das frequências e dos trabalhos que estiveram pelo meio. Digo com toda a certeza: “Valeu a Pena!”
E agora, vejo a importância dos conteúdos que a escola me transmitiu e as competências para as quais me formou e digo com orgulho que fui aluno da CESPU.

Pedro Neto - Ex-aluno - 1º curso Licenciatura enfermagem da ESSVA, 1999-2003

Apenas 10 meses se passaram após terminar o curso na Escola Superior de Saúde de Vale do Ave. Recordo com orgulho e saudade todos os momentos dessa etapa da minha vida.
Enquanto aluna, por vezes achava que os professores eram muito exigentes, mas hoje, reconheço como profissional que toda essa conduta é absolutamente necessária e indispensável para exercer a profissão com segurança, conhecimento, dedicação e humanização.
Quero deixar um agradecimento a colegas e docentes de enfermagem pelo acompanhamento e apoio no meu desenvolvimento como pessoa e profissional.
Muito Obrigada.

Andreia Ribeiro - Ex-aluna

Escrevo com o intuito de testemunhar uma realidade profissional que faz parte de mim e da qual me orgulho. Penso que o ensino superior deve compreender momentos de partilha, desenvolvimento e aprendizagem com um espírito empreendedor, dinâmico e individualizado.
Temos a possibilidade de percorrer vários caminhos, mas alguns existem em que a perspetiva e a influência podem conduzir a melhores resultados. Quem está sente que não se esgota o caminho num livro, nem a licenciatura num papel, mas na interação, investigação, dedicação, ajuda e vontade de ser e de estar.

Nuno Araújo - Docente do IPSN