Sobre o programa/ciclo de estudos

A licenciatura em Ciências Laboratoriais Forenses do IUCS oferece uma formação de 1º ciclo de Estudos especialmente centrada nas Ciências Forenses e Criminais, através de domínios Químicos, Médicos, Bioquímicos, Biológicos, Matemáticos e Biomédicos.

A formação conferida possibilitará aos estudantes conhecimentos e capacidades em várias áreas científicas de intervenção nas Ciências Forenses, adequadas para a investigação na cena do crime, produção e preservação da prova e apresentação da mesma em tribunal.

O plano curricular conjuga a capacidade do IUCS na sua formação em Ciências da Vida e Saúde, com a igual experiência na área forense, de uma equipa de peritos que nela trabalham. Destaca-se a colaboração de profissionais do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, Polícia Judiciária e de vários outros laboratórios portugueses e estrangeiros, com várias aulas a decorrerem em cenário real. Este relacionamento é considerado chave quer na formação da área específica, quer no ensino e dinamização extracurricular do ciclos de estudos.

A existência de licenciados em Ciências Laboratoriais Forenses, como resultado de novos 1º Ciclos de Estudos nesta área de conhecimento, permitirá constituir um grupo de profissionais com objetivos claros de atuação e intervenção forense, com amplas e sólidas capacidades e competências que só poderão fortalecer, dinamizar e fazer evoluir a investigação forense e criminal.

São objetivos gerais, formar licenciados capazes de resolver problemas inerentes às perícias forenses e criminais, segundo procedimentos validamente reconhecidos e respeitando os princípios científicos, sociais e éticos, de acordo com o estabelecido pelo sistema judicial. Tem igualmente o objetivo de responder às crescentes necessidades do mercado desta área de conhecimento uma vez que não existem profissionais em número adequado com este grau académico de base a exercer funções em Portugal. O avanço galopante, muito alicerçado no progresso tecnológico e científico justifica esta formação académica universitária, iniciada desde a licenciatura.

Ciclo de estudos acreditado pela A3ES (NCE) por 6 anos (contados a partir de 05-06-2014, conforme decisão do Conselho de Administração da A3ES, de 20-06-2017) e registado pela DGES (R/A-Cr 82/2014). ACREDITAÇÃO MÁXIMA PELA A3ES.

Mais informação em https://www.a3es.pt/pt/resultados-acreditacao/ciencias-laboratoriais-forenses.

Nível de qualificação

Ensino superior universitário; licenciatura; 1º ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado; Nível 6 dos Quadros Nacional e Europeu de Qualificações.

Requisitos de acesso

O ingresso no ciclo de estudos pode ser efetuado através do(s): 1. Concurso institucional de acesso ao ensino superior, quando satisfeitas as condições referidas no referidas no ponto 8 do suplemento ao diploma, designadamente: a) Sejam titulares de um curso do ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente e tenham realizado o exame nacional da prova de ingresso, definido e aprovado pela CNAES ou sejam titulares de um curso de ensino secundário estrangeiro legalmente equivalente ao ensino secundário português com exames terminais que sejam considerados homólogos às provas de ingresso fixadas, nos termos do Artigo 20º do Decreto-Lei n.º 296-A/98; b) Cumpram a nota mínima da(s) prova(s) de ingresso definida anualmente pelos órgãos competentes do Instituto, os quais aprovam também a fórmula da nota de candidatura: 2. Concursos especiais e regimes especiais de acesso, nos termos da legislação e regulamentos aplicáveis. O ponto 8 do suplemento ao diploma descreve o quadro geral do sistema de ensino superior português, referindo-se à sua organização, condições de acesso e sistema de classificação.

Tipo de reconhecimento

Os estudantes que concluem este ciclo de estudos poderão vir a trabalhar em vários setores da atividade profissional forense, nomeadamente: Forças de Segurança (PJ, PSP, GNR); No apoio aos Tribunais; Empresas de Segurança Privada; Fiscalização Alimentar e Ambiental; Serviços Secretos; Serviço de Estrangeiros e Fronteiras; Gabinetes de Advocacia; Ensino; Investigação; Companhias de Seguro; Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, I.P.; Instituições Bancárias; Estabelecimentos Prisionais; Instituições de Apoio às Vítimas; Serviços de Reinserção Social; Autarquias; Projetos de Prevenção na Área da Criminalidade e da Segurança; Peritagem em diversas áreas (e.g., biologia, toxicologia, química, balística, lofoscopia, documentoscopia, antropologia, entomologia, odontologia, etc.). Também salienta-se o facto de os estudantes poderem ingressar em 2º e 3º Ciclos de Estudos, nomeadamente em Mestrados e Doutoramentos em Ciências Forenses, permitindo que desenvolvam de trabalhos de investigação na área das Ciências Forenses.

Língua de aprendizagem

Português

Escola

Instituto Universitário de Ciências da Saúde - Gandra

Duracao (*)

3/A

Duração oficial

3 anos - 6 semestres - 180 ECTS

Regime (**)

D

Regime de estudo

Tempo integral.

Coordenador

RICARDO JORGE DINIS OLIVEIRA

Legislação

Aviso 7421/2014 de 17 de junho, publicado na 2ª série do Diário da República nº119 de 24 de junho

Áreas científicas preponderantes

Designação Nº Créditos
Obrigatórios
Nº Créditos
Opcionais
Biologia e Bioquímica 96 0
Química 25 0
Medicina 9 0
Física e Química 6 0
Ciências Dentárias 6 0
Física 6 0
Biologia e Bioquímica - Medicina - Direito 6 0
Ciências da Terra 5 0
Matemática e Estatística 5 0
Ciências Sociais e do Comportamento 4 0
Direito 4 0
Filosofia e Ética - Direito 4 0
Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos 0 4
Psicologia 0 4

(*) A = Ano(s), S = Semestre(s)

(**) D = Diurno, N = Noturno

Plano de estudos do programa

1º ano

Unidade curricular Área científica Regimea) Horasb) ECTS Obs.c)
      T TP PL P OT TC E S O  
Anatomia Humana Biologia e Bioquímica 1º/S 26 - - 39 - - - - - 6
Métodos Quantitativos de Análise de Dados Matemática e Estatística 1º/S 0 0 52 - - - - - - 5
Princípios de Ciências Forenses Biologia e Bioquímica - Medicina - Direito 1º/S 26 26 0 - - - - - - 6
Química Analítica Química 1º/S 26 0 26 - - - - - - 5
Química Orgânica Química 1º/S 26 0 26 - - - - - - 6
Amostras e Vestígios Forenses e Lofoscopia Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Bioquímica Biologia e Bioquímica 2º/S 52 26 26 - - - - - - 6
Botânica Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Escrita Manual e Linguística Forense Ciências Sociais e do Comportamento 2º/S 26 0 26 - - - - - - 4
Física Física 2º/S 26 0 26 - - - - - - 6
Métodos Instrumentais de Análise Química 2º/S 26 0 26 - - - - - - 6

2º ano

Unidade curricular Área científica Regimea) Horasb) ECTS Obs.c)
      T TP PL P OT TC E S O  
Antropologia Biologia e Bioquímica 1º/S 26 - 0 26 - - - - - 6
Balística, Fogos e Explosivos Física e Química 1º/S 26 - - 26 - - - - - 6
Biopatologia Biologia e Bioquímica 1º/S 26 26 26 - - - - - - 6
Geologia e Pedologia Forense Ciências da Terra 1º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Medicina Dentária Forense Ciências Dentárias 1º/S 26 - - 26 - - - - - 6
Biotoxicologia Biologia e Bioquímica 2º/S 26 13 39 - - - - - - 6
Entomologia Forense Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Genética Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 6
Laboratório Forense I Química 2º/S - - 78 - - - - - - 8
Microbiologia Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 6

3º ano

Unidade curricular Área científica Regimea) Horasb) ECTS Obs.c)
      T TP PL P OT TC E S O  
Drogas de Abuso Biologia e Bioquímica 1º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Exames de Clínica Forense Medicina 1º/S 26 - - 26 - - - - - 5
Laboratório Forense II Biologia e Bioquímica 1º/S - - 78 - - - - - - 8
Toxicologia Alimentar Biologia e Bioquímica 1º/S 26 - 39 - - - - - - 5
Autópsia Médico-Legal Medicina 2º/S 26 - - 26 - - - - - 4
Direito Penal e Processual Penal Direito 2º/S 26 26 - - - - - - - 4
Métodos Computacionais em Ciências Forenses Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos 2º/S - 13 13 - - - - - - 4 o)
Psicologia Forense Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos 2º/S - 26 - - - - - - - 4 o)
Serologia Forense Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos 2º/S - 13 13 - - - - - - 4 o)
Toxicologia Ambiental Biologia e Bioquímica 2º/S 26 - 26 - - - - - - 5
Ética e Deontologia em Ciências Forenses Filosofia e Ética - Direito 2º/S - 52 - - - - - - - 4
Criminologia Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos º/S - 26 - - - - - - - 4 o)
Metodologia e Projeto em Investigação Forense Biologia e Bioquímica A - 26 - - 26 208 - - - 16
Vitimologia Biologia e Bioquímica ou Ciências Informáticas ou Psicologia ou Sociologia e outros estudos º/S - 26 - - - - - - - 4 o)

Legenda a)

A: Anual; S: Semestral

Legenda b)

T: Teóricas; TP: Teórico-práticas; P: Práticas; PL: Práticas-laboratoriais; S: Seminário; E: Estágio; OT: Orientação tutória; O: Outras

Legenda c)

o) Opcional

Concurso Especial para Estudantes Internacionais

Edital

Vagas: 9

Candidaturas: até 22 de fevereiro

Classificações mínimas exigidas na qualificação académica específica:

Aprovação na qualificação que dá acesso ao ensino superior no país de origem de acordo com o respetivo sistema de classificação ou, se portuguesa, 95 em 200 valores

Afixação dos resultados das candidaturas (provisórios):  04 de março

Reclamações: 06 a 08 de março

Exames (quando aplicável): 25 de março

Afixação dos resultados das candidaturas (definitivos):  27 de março

Reclamações: 27 de março a 02 de abril

Período de matrículas: até 05 de abril

       

Documentos a apresentar no ato da candidatura:

  • Formulário de candidatura;
  • Declaração sobre enquadramento, em modelo aprovado, para estudantes com nacionalidade extracomunitária (ver no site1 esclarecimento do SEF sobre requisito de nacionalidade/residência);
  • Documento de identificação pessoal ou passaporte;
  • Diploma ou certificado das habilitações académicas de acesso ao ensino superior, com as respetivas classificações, obrigatoriamente autenticado pelos serviços oficiais de educação do respetivo país (MEC no Brasil, por ex.) e reconhecido pela autoridade diplomática ou consular portuguesa nesse país (ou trazer apostilha da Convenção de Haia).
  • Documento emitido por autoridade competente que ateste que as habilitações, que o candidato possui, lhe que permitem o acesso ao ensino superior no país em que foram conferidas, exceto se essa documentação já existir na CESPU;
  • Diploma do ensino secundário português ou de habilitação legalmente equivalente originais, quando aplicável; d) Declaração do SEF sobre tempo de residência em Portugal ou atestado de residência no estrangeiro;
  • Certificado de formação em português para avaliação de adequabilidade, se aplicável.

Os documentos estrangeiros cuja língua original não seja a portuguesa, espanhola, francesa, inglesa ou italiana têm de ser entregues com tradução reconhecida pela autoridade diplomática ou consular portuguesa (ou trazer a apostilha da Haia).

Emolumentos: 

Candidatura: 

Sem creditação: 200,00 euros

Com creditação: 350,00 euros (ver anexo1)

Matrícula: 300,00 euros

Seguro escolar: 35,00 euros (base) ou 150,00 euros (extra)

Propinas: 3.990,00 € euros

Este valor corresponde à prestação única anual, para consultar todas as opções de pagamento por favor consulte a nossa tabela de propinas.

 

Para informações adicionais e para candidaturas, por favor contacte um dos nossos Gabinetes de Ingresso: ingresso@cespu.pt | +351 224 157 171

 

Nota 1: Apenas se garante a abertura dos cursos se o número de matriculados for igual ou superior a vinte (20).